1. Página Inicial

Notícias

II Edição do FIGS fala sobre Governança Corporativa

19-09-2018

Apresentando o tema "A Governança é o caminho para a Sustentabilidade Corporativa", a II Edição do Fórum de Inteligência em Gestão de Saúde (FIGS) aconteceu na última terça-feira, dia 18, no auditório da Cabergs. Dessa vez, a entidade recebeu dois convidados: o Coordenador Geral do Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC), Leonardo Wengrover, e o Gerente Executivo da Unidade de Governança Corporativa do Banrisul, Fernando Rodrigues. Conduziram as palestras o Gerente Financeiro e Administrativo, Décio Braga, e o Diretor Financeiro Administrativo, Roberto Noal, ambos da Cabergs.

Segundo Fernando Rodrigues, a governança corporativa começou a fluir em 2002. Ele deu exemplos de como ela tem se estruturado no exterior, como se deu a implantação desse novo método nas empresas brasileiras, apresentou cases, falou das dificuldades e de prós e contras. Também explicou sobre os setores empresariais envolvidos nessa inserção, a transformação estrutural que ela causa, a adaptação dos processos internos e a importância do Conselho Administrativo nesse cenário. Segundo ele, "o Conselho é o foco central da governança dentro de uma empresa e deve ser o modelo a ser seguido pelos demais funcionários".

Para entender um pouco melhor sobre a atuação do Conselho Administrativo é importante ressaltar algumas atitudes fundamentais: observar o ambiente de negócios; tomar decisões colegiadas e registrá-las em ata; conhecer a cultura da organização; ter ética empresarial e saber administrar conflitos internos e externos. Leonardo Wengrover citou uma frase de Mervyn King, membro honorário da academia britânica, para exemplificar melhor essa relação. King diz que "o Conselho se torna o coração, a mente e a alma da empresa".

Além disso, Wengrover definiu a governança corporativa como a conversão de princípios em orientações claras, gerando valor a longo prazo. E antes que qualquer um pense que a implementação desse método só funciona em mega empresas, Wengrover explica que "ele se aplica a qualquer tipo de organização, independentemente do seu porte ou natureza jurídica". Basta compreender e executar os quatro pilares da governança corporativa: transparência; equidade; prestação de contas e responsabilidade corporativa.

A próxima edição do FIGS acontece da segunda quinzena de outubro, com tema ainda a ser definido.

comuniCABERGS

Tudo que acontece na CABERGS passa antes por aqui

Guia prático

O seu guia para as dúvidas mais comuns sobre consultas e exames